top of page

SAFARI BOTSWANA || EXPERIÊNCIA DE LUXO

Sem dúvidas, a África do Sul é o primeiro destino que nos vem à cabeça quando se pensa em fazer um safari.

Mas o continente africano é enorme e possui vários países com vida selvagem em abudância. Afinal, o turismo em massa ainda não chegou lá e os animais sentem-se mais à vontade.

Os lodges dos destinos como a TANZÂNIA, ZIMBABUÉ, NAMÍBIA, BOTSWANA e QUÉNIA são absurdamente LUXUOSOS. Maravilhosos!


As melhores experiências que se podem viver numa viagem estão em ÁFRICA.

Nem sempre conseguimos explicar a energia que vem desse continente, ou é o céu quem tem um tom alaranjado especial ou as pessoas locais que são de uma gentileza extrema, os sons da selva ou a vida selvagem tão próxima de nós.


O BOTSWANA é um dos destinos mais fabulosos e mais bem conservados do mundo. O Delta do Okavango é uma das 7 maravilhas naturais de África, Património da Humanidade pela Unesco, conhecido como o “Rio que nunca encontra o mar” porque toda a sua água é evaporada nas areias do deserto de Kalahari. A Moremi Game Reserve é a única reserva de vida selvagem do Delta, com a população de animais mais diversa de todo o país.



É maravilhoso podermos viajar para um destino destes, permite-nos conhecer os animais e os seus instintos mais puros, longe do turismo massificado com dezenas de hotéis e carros com turistas. Querem um exemplo?


Imaginem uma área com mais de 270 mil hectares (uma das conceções privadas do &Beyond), existe apenas um Lodge, o Xaranna com 9 quartos e nem sempre estão todos ocupados, é demasiada terra, demasiados bichos e muito pouca gente! E no DELTA, como um todo, existem pouquíssimos Lodges e todos com pouquíssimos quartos. Sim, no Botswana temos este tipo de turismo high income, low volume, para proteger e conservar a vida selvagem, criando um negócio de baixo impacto e sustentável para todos.


&BEYOND XARANNA

Tendas com piscinas privadas, onde os elefantes saciam a sede, uma das experiências mais surreais que se pode vivenciar nestes Lodges. Algo que dificilmente se vão esquecer. Uma mistura de medo com encantamento.

Este lodge não é cercado, como a maioria deles no Botswana, e isso implica que os animais se cheguem realmente perto de nós, ainda mais em tempos secos e com escassez de água. Falamos de elefantes, búfalos, zebras, antílopes javalis …

As tendas, feitas de madeira e lona, são muito espaçosas. Ao invés de paredes e janelas de vidro, existem telas. Dessa forma é possível ouvir e sentir os sons da savana bem de perto. Uma cama king size estrategicamente posicionada para o nascer do sol, um deck com piscina privada (ou melhor, nossa e dos elefantes), uma banheira de imersão, chuveiro interno e externo, todas as comodidades que um hotel de luxo pode oferecer. As tendas contam ainda com um mordomo que pode ajudar em todas as solicitações.

Recomendamos que este safari seja feito no Inverno (de Maio a Setembro) quando tempo está seco, sem chuvas, e as temperaturas são mais amenas. De madrugada pode fazer muito frio, mas durante o dia pode chegar aos 30ºC!

Nessa época há menos mosquitos e, consequentemente, menos risco de malária. Recomendamos ainda uma estadia de 3 a 4 dias na região, fazendo troca de hotel.



Fotografias de: @andbeyondxaranna


Vamos para Botswana? Temos a certeza de que viverão neste país algumas das experiências mais memoráveis da vida.

Video fornecido por: @&Beyond



Comentários


bottom of page